julho 24, 2012

Aliança 18k

Veja que lindo esta aliança, já mostrada anteriormente, feito em ouro 18k com este filete em prata, gostou? Entre em contato conosco.

julho 22, 2012

Letra para Alma. - Rendido Estou

Concordo que a maioria das pessoas tem uma religião ou acredita em Deus. Realmente acordar pela manhã com este cântico, indiferente do seu credo religioso, faz muito bem a alma, está música fala a alma, este blog pode até ter um cunho comercial, mas, é bom pararmos às vezes e pensarmos ou meditarmos em Deus.

video

Anel Aro Duplo 18k

Lindo este anel, repare no detalhe da flor vazado, peça feita de forma artesanal e pode ser seu, sempre é bom ser presenteado e presentear.

julho 18, 2012

Jóias Ainda é um Investimento, Você Sabia?


Você sabe se comprar esses produtos confeccionados, sobretudo, a base de ouro e pedras preciosas também pode ser encarado como uma forma de investimento?
Para se chegar a uma resposta, vale a pena entender como o mercado de ouro se comporta. De acordo com o coordenador do curso de gestão em finanças da Veris, Fabrício Ferreira, os investidores olham para o ouro como um investimento bastante seguro. Assim, em momentos de crise financeira mundial, quando as economias nacionais passam por instabilidade, o preço do ouro sobe.
Isso quer dizer que se a intenção é comprar jóias feitas de ouro, é importante observar a cotação do metal no mercado. “Em momentos de crise, os investidores se assustam e correm para investimentos mais seguros como títulos do tesouro, dólar e ouro”, diz o professor.
O cenário atual, por exemplo, não é tão interessante para comprar, pois o metal está em um nível de preço muito elevado. “Agora é um péssimo momento se alguém quiser comprar jóia para investir; O preço do ouro vai cair quando passar a crise”, avalia o professor.
Apesar de ser uma forma de investimento não tão tradicional, as jóias podem, sim, ser consideradas investimentos. A dica para quem for comprar é evitar as peças supervalorizadas por conta de design, por exemplo. O valor agregado desse trabalho dificilmente trará retorno. Isso quer dizer que se você compra uma peça feita por um designer famoso, por exemplo, quando quiser revender, não terá retorno por isso.
“Todo o valor que foi agregado na peça dificilmente se valoriza no tempo, a não ser em casos especiais”, diz o professo. Ou seja, se você comprou uma peça de um profissional desconhecido e, posteriormente, ele fica famoso. São situações análogas as pinturas, explica o professor.
Redução dos juros nos empréstimos
Portanto, se o objetivo for investir, não compre as peças pensando no design. Além disso, observe como está a cotação do metal no mercado nacional. O professor ainda explica que uma vantagem de comprar jóias é o fato de ser possível usá-las como garantia em empréstimos, com juros bem interessantes.
Na Caixa Econômica Federal, por exemplo, a pessoa que quiser um empréstimo pode dar suas jóias como garantia e, caso aprovado, consegue um empréstimo com juros mais baixos. “O banco avalia na hora o valor das jóias e te concedo o empréstimo com taxas de juros mais baixas do que as modalidades comuns”, diz o professor.
Vantagens de investir na compra de jóias
-Em momentos de crise, costumam subir bastante acompanhando principalmente o preço do ouro;
-Preservação do poder de compra. As jóias não perdem valor em cenário de alta inflação;
-Em momentos de dificuldades pessoais, é um poderoso colateral usado em empréstimos a juros muito abaixo dos juros de mercado nas casas de penhores;
-Liquidez mais alta do que alguns ativos físicos que também podem ser utilizados como reserva de investimento, tais como imóveis;
-Dificilmente haverá perdas significativas, como pode acontecer com ativos financeiros, tais como ações e títulos.

Fontes: http://goo.gl/1v6Ts, em 18 de julho de 2012.